Amarelos (Pedra da Tartaruga)

Guarapari

Alt. 100m

  • Poul na 1a enfiada

COMO CHEGAR

Saindo da capital Vitória, a melhor opção é pegar a BR-101 em direção ao sul do estado (RJ). Após o primeiro pedágio em Guarapari, entrar à direita em direção a Amarelos. Siga sempre pela estrada vicinal até encontrar uma porteira azul à direita (1,8km).

Estacione o carro ao lado da porteira, sem atrapalhar o fluxo, pule a porteira e siga caminhando em direção à pedra. Na casa branca, identifique-se. Os caseiros são o Fabinho e a Sônia (o proprietário das terras é o Sr. Batista). Nesta casa é preciso assinar um “livro de presença”, exigência do novo proprietário. Após isso, siga a estrada e ao passar pela porteira, vire à direita e passe por outra porteira e continue caminhando pela estrada com mato. Quando a estrada estiver na parte alta, antes da descida, procure por uma trilha que sobe em direção à pedra. A trilha irá sair na altura das primeiras vias da esquerda.

 

Mapa

Filtrar por

Melhor época

A parede fica voltada para o sul e fica na sombra pela manhã. Com exceção dos dias nublados, a tarde costura ser bem castigaste.

Rocha

Granito abrasivo.

Denominação geológica: Granito. Maciço Viana. Suíte intrusiva Espírito Santo.

Equipo

Basicamente uma corda de 60m, 16 costuras, lona e repelente.

_DSF4107

Algumas proteções, principalmente as que estão expostas à chuva, encontrem se bastante oxidados, semelhante ao que está acontecendo em Viana. Recomenda-se cautela ao usar essas proteções.

Croqui

2016.05.01_Amarelos

Para maiores informações, acesse o blog ESCALADA GUARAPARI

Lista das vias

NOME DA VIARANKINGGRAUALTANOCONQUISTADORESOBS
Toca da coruja4o322013Poul Soares, Coelho, Guilherme Moura
Poulmedo******7a232013Poul Soares, Coelho, Guilherme MouraVia clássica de Amarelos. Obrigatório!
Brincadeira de Criança9b102013Poul Soares, Coelho, Guilherme MouraVia dura e abrasiva com um boulder difícil no final. A parada está bem ruim.
Mac Gyver5sup122013Coelho, Poul Soares, Antonia
Indiana Jones7a122014Poul Soares, Antonia FigueiraVia técnica com boa movimentação.
Libélula Rara****7c252013Coelho, Patrícia, Guilherme MouraVariação da “Poulmedo”, porém um pouco mais dura.
Maguila4o112013Coelho, Guilherme Moura
Canela rachada****7b132014Poul Soares, Antonia FigueiraVia muito boa com boa movimentação.
Gruta de mosquito**8a132014Poul Soares, Antonia FigueiraVia boulderística.
MutucaP132014Coelho, Juliana FrareProjeto. Muita pedra solta.
Barriga de bobe6o112014Poul Soares, Antonia Figueira
Ayrton Senna5o102014Poul Soares, Antonia Figueira
Orelha de elfo4o102014Poul Soares, Antonia Figueira
Deixa o menino jogar6sup2014Poul Soares, Antonia Figueira
Forasteiro do litoral6sup2014Poul Soares, Antonia Figueira
Leve com você6o2014Poul Soares, Antonia Figueira
Tempo de iluminar6o2014Poul Soares, Antonia Figueira
Sorri, sou Rei5o2014Poul Soares, Antonia Figueira
Pérola do Sol6o2014Poul Soares, Antonia Figueira
Princesa do Cerrado4o2014Poul Soares, Antonia Figueira
Valeu a pena**8a/b282014Poul Soares, Antonia FigueiraVia longa e técnica.
Como uma onda7b?282014Poul Soares, Antonia Figueira
Peito de Chester****7c152014Naoki Arima, RebitVia negativa e estética. Normalmente tem marimbondo.
Ayrton Senna5o102014Poul Soares, Antonia Figueira
Amarelinhas3o82014Poul Soares, Antonia Figueira

Fotos

 

Leia mais no blog

Vitória abaixo de zero

^  Poul na clássica “Poulmedo” (7a). Na última 5a feira, finalmente chegou no Espírito Santo a famigerada frente fria que fez despencar a temperatura na

Peito de Chester (7c)

Escalador  local “Poul” provando  a nova via “Peito de Chester” (7c). Lembram da foto do post anterior onde o Poul escalava a via “Valeu a

Amarelos, o retorno

Poul provando a própria obra, “Valeu a pena”(8b). Após um mês de descanso, cá estou de volta à ativa. Preciso confessar que a experiência Yosemetiana

Amarelou em Itarana

Pedra sem nome em Itarana com cicatriz de desmoronamento. O Espírito Santo é um dos estados mais montanhosos do Brasil. Para onde se vê, há

Fechar Menu