Barrinha

Rio de Janeiro

Filtrar por


A Barrinha é um achado da escalada esportiva carioca. A parede é perfeita! Levemente negativa, contínua e com agarras que vão desde regletinhos, passando por abaulados até pockets perfeitos. E o melhor de tudo, tem um visual belíssimo para a praia. Por essas e muito mais, a Barrinha é o destino preferido dos cariocas e haules que visitam a cidade maravilhosa. Tanto é que nos finais de semana o pico fica bem cheio!

COMO CHEGAR:

Chegar na Barrinha é bem simples. Para quem vem pela Zona Sul pela Estrada Lagoa Barra, assim que passar o último túnel (Túnel de Joá) e entrar na Barra da Tijuca, tome a primeira saída à direita (R. Maria Luiza Pitanga) e siga até a rotatória (Praça Desembargador Araújo Jorge). Alí tem um supermercado para comprar uns lanches. Na praça, tome a primeira à direita (Estrada do Joá) e em seguida a primeira à esquerda na Av Fleming (com canal no meio) até a Praça Prof. Velho da Silva. Contorne a praça, passe por um portão com guarita e siga até o final (Rua Sorimã). O asfalto vai acabar uma hora, mas continue subindo até o final. Estacione o carro e tome a trilha de acesso à Pedra da Gávea (com calçamento). Suba pelo calçamento uns 50m e quebre a esquerda numa trilha. O começo da trilha fica um pouco antes de uma pedra grande. Siga sempre pela trilha e quando estiver passando por uma grota quebre à direita e suba pela subida íngreme. Essa saída pela grota é bem escondidinha!

Para ir de ônibus: Tome um coletivo até a Barra da Tijuca e desça na primeira parada da Barra (Donwtown). Atravesse o canal e tome à direita. Quebre à esquerda na Av. Vitor Konde e quebre à esquerda novamente na rua da Congregação Judáica do Brasil e em seguida à direita até a Praça Prof. Velho da Silva. Daí em diante o caminho é o mesmo.

MELHOR ÉPOCA:

Como em qualquer área de escalada do Rio, a melhor época é entre maio e agosto quando chove menos e o calor é mais ameno. A pedra fica na sombra o dia todo. Nos finais de semana, o pico fica sempre bem crowd. Às vezes, acontece um fenômeno popularmente conhecido como "ficar babado", quando a rocha fica suava e lisa por causa da maresia. Neses dias não há magnésio Metolius que seque a mão!

EQUIPO

Uma corda de 60m e umas 15 costuras, incluindo costuras longas (1m)

H20/COMIDA

Levar de casa.

ROCHA

Gnaisse. Abrasivo! Lever esparadrapo se não estiver acostumado.

GRADUAÇÃO

Prevalecem vias mais longas e contínuas. A via mais fácil é um 8c e a mais dura um 10b.

NÚMERO DE VIAS

Aproximadamente 16 vias no setor principal.

CROQUI

Guia de Escaladas e Trilhas
Floresta da Tijuca

Flávio Daflon e Delson de Queiroz
Pág. 233

http://www.companhiadaescalada.com.br/livraria/guiadafloresta/guiadafloresta.htm

DICAS

  • Não se esqueça das costuras longa!

VÍDEO

LINK EXTERNO

Guia da Urca

C. E. Limite Vertical - Bom lugar para arrumar parcerias!

LOJAS

Equinox
Rua Buenos Aires 41 2º andar - Centro
CEP 20.070-000 - Rio de Janeiro - RJ
Aberta de 2a a 6a de 10:00 às 18:00
Fone: (21) 2223-1573
Fax: (21) 2263-5850

Le Chen
Galeria River ( Rua Francisco Otaviano 67 Loja 11 )
Arpoador Rio de Janeiro
TEL/FAX (21) 3201 0011

Fechar Menu