Sete Lagoas

Sexta-feira, 16h 30, hora de desligar o computador prematuramente, pegar o carro, passar na casa do Caio e pé na estrada!!!! E põe pé, porque de Vitória até Belo Horizonte são aproximadamente 500km por uma estrada cheia de curvas, serras, buracos, caminhões… Praticamente um Need for Speed de verdade.

Depois de 7h de estrada, uma noite pouco dormida e mais o cansaço acumulado da semana (quanta desculpa para explicar o fracasso…) saímos para a cidade de Sete Lagoas na manhã de sábado (eu, Afeto, Daiti, Lorena, Fred e mais 2 amigos).

O sítio é absolutamente fantástico, o setor do Teto, ou 45, é um lugar fora de sério. Isso sem contar os outros setores como o Bloco da Carinha. No geral, prevalecem as vias negativas em agarras boas e macias (eta calcário bom só!). O grau médio é na casa do sétimo (para aproveitar bem o local, é legal estar dominando o grau).

No primeiro dia, escalamos no setor da Carinha e no setor antigo. Dentre as elas, recomendo um 8b que fica no setor da Carinha. A linha é espetacular! Finíssima linha!

À noite fomos acolhidos na mansão do Chello para um jantar já mais que tradicional: A marmita da mãe do Afeto! Cardápio da noite? Nhoque com risoto à cerveja preta!!! Nossa que delícia!!!! De quebra, um crepe com Nutella!

No domingo, já mais recuperado, voltamos para Seven Lakes. A Lud que nesse dia guiou a primeira via dela se juntou a trip!

Nesse dia escalamos mais algumas vias da Carinha, um setor mais afastado onde ficam as vias longas de 25m e, para fechar a trip, no Teto! 

Dentre as vias, recomendo seriamente a via Nono-non (8c), uma que fica à esquerda dela e um 8c clássico do Teto. Infelizmente não me ative em pegar os nomes das vias…

Depois de 2 dias de boa companhia e boa escalada, chegou a hora de retornar à terra dos granitos. A trip foi curta, mas os bons momentos que passamos valerão para o resto da vida! Espero voltar novamente, a final de conta, ficaram algumas pendengas por lá….

Lembranças e abraços para: os nossos guias Daiti e Lorena (esquerda ou direita?); aos anfitriões Gustavo e Gretta (escalar com agente na próxima, hein!?); ao Chello por nos receber; a libriana e fotógrafa Lud; ao Fred sem maxilar; e toda a galera que esteve neste final de semana no pico fazendo o que mais gosta: escalar!!!!

Postagens relacionadas

Comentários

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.