Domingo de chuva, domingo de escalada

_DSF8075

Trem de carga passando sob o pontilhão. Da série, no lugar certo na hora certa!

Se no sábado, mesmo com toda aquela chuva rolou escalada. E é claro que no domingo nublado também rolaria escalada. Mas havia um pequeno detalhe. Na madrugada de domingo o mundo caiu em Vitória e o dia amanheceu nublado, sem chuva, mas tudo ainda estava molhado.

Lá pelo meio-dia, um misto de mormaço com sol já tinha secado um pouco o asfalto. Ai tive que aquela ideia! E mandei um zap-zap para o Afeto:

– Afetones, tive uma ideia ruim!

E ele responde antes mesmo de dizer qual era a ideia:

– Já topei!

Po, depois entra nas roubadas e fica reclamando… Ai expliquei para ele que poderíamos ver se a fenda de Marechal (Mimosa do 52) rolaria alguma escalada. Como seria uma viagem curta (52km) não custaria nada tentar.

Assim fomos até Marechal com todos os móveis no carro para conferir a fenda. Chegando lá, nem preciso dizer, né? É óbvio que estava molhada!

Na volta lembramos do pontilhão de Domingos Martins, onde têm 2 duas tradicionais! Já que estávamos ai, não ia custar nada dar uma conferida!

_DSF8080

Bambu forest. Aproximação tranquila.

_DSF8044

Cena que empresta o nome à via.

Para a nossa surpresa a pedra estava seca, babada, talvez, mas seca. Ok, úmida. Ah, sei lá, dava para ser segurar! Aproveitando que ainda não estava chovendo, escalamos a via “Luz no fim do Túnel” para matar a vontade. Descemos, bebemos uma água e fomos para uma outra via ao lado para fazer volume. Mas ai, na P3 o tempo desandou de vez e tivemos que bater em retirada.

_DSF8058

Afeto na 2a enfiada da via.

_DSF8065

Ok, estava fazendo pose para a foto! Final da 2a enfiada. Foto: Afeto.

Não foi nenhuma escalada épica, mas valeu por sair de casa um pouco e ver o verde.

Valeu Afetones por mais essa!

_DSF8049

Trilho sob o pontilhão.

_DSF8076

E o medo de enfiar o pé, ficar preso e o trem chegar?!

Comentários

2 respostas em “Domingo de chuva, domingo de escalada”

Gostaria de saber se há regularidade de trens aí na via??? Já que meu intuito é apenas caminhar pela linha e não escalar, se houver e puderem me dar mais detalhes agradeceria.
Att,
Tábata

Tábata, não é comum. Creio que passa umas 6 vezes ao dia. E na maioria dos lugares tem como ouvir o trem e sair para uma área de escape.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: