Dia do trabalho, dia de trabalho

Na semana passada, postei aqui sobre as últimas conquistas no setor Vale Perdido em Calogi. Já no último sábado, dia 01/05, Lissandro e eu voltamos novamente ao setor para provar as vias e equipar outras.

Neste dia equipamos mais duas vias: uma à esquerda da “Segredo de Estado” (7b), batizada de “Carteira assinada”. Sugerimos um 7a de técnica para via; e mais para o final do dia, equipamos a “Trabalhador informal” que fica à direita da via Psicoterapia (7b). Essa linha transcorre por uma fenda cega e depois segue pela face até o final da pedra, aproveitando ao máximo a extensão da pedra. Devido ao horário avançado, acabamos não provando a linha, mas imagino algo como um oitavo de técnica em “entalamento” em fenda cega numa parede negativa. Bem interessante.

Lissandro equipando a via “Carteira assinada”(7a).

Nesse mesmo dia, ainda provei a “Choque anafilático”, via equipada na semana passada, mas não pude provar bem porque tive que fazer um segundo reforço numa outra agarra chave. Depois isolei o resto, incluindo o crux final. Essa é uma via difícil de graduar porque é crux de reglete, quem for regleteiro vai achar fácil, quem tiver dificuldade vai achar duro, mas deve ficar na casa do 8c/9a, comparando com a via Corredor Polonês (9a).

Lembrando que todo setor está sendo equipado com chapeleta inox Pingo da Bonier e parada dupla em argola da Smile. Todo material foi subsidiada pela Associação Capixaba de Escalada que apoia as conquistas no Estado.

Ah, sobre o nome das vias é por que equipamos a via no dia 1 de Maio, Dia do Trabalhador!

Comentários

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.