Prefácio do Guia de escalada do Espírito Santo

Saiu o prefácio do Guia de Escalada do Espírito Santo de Oswaldo Baldin que será lançando oficialmente em meados de dezembro! Deem uma lida, eu que escrevi, e se você ainda não garantiu o seu a preço especial, adianto que essa barbada só vai até o dia 10/11!

Eu já dei uma olhada na versão prévia e garanto que está incrível! Arrisco a dizer que este é o melhor guia de escalada do Brasil (palavra de quem tem mais de 30 guias de escalada do Brasil e do mundo).

Para reservar o seu guia, clique aqui!

Escrever um livro é um trabalho hercúleo; escrever um documento histórico é um trabalho de responsabilidade com o passado; escrever um guia de escalada é um trabalho de compromisso com a verdade e com as informações. Reunir tudo em numa única obra é o que você tem em mãos agora. Um compêndio de exatas 700 páginas contendo tudo, absolutamente tudo sobre a escalada no Espírito Santo! Pelo peso e espessura do livro fica claro que em 70 anos de escalada (iniciada oficialmente em 1947 com a conquista do Pico do Itabira em Cachoeiro do Itapemirim) muitas coisas aconteceram neste pequeno, porém abençoado Estado do Espírito Santo.

É exatamente isso que o autor, Oswaldo Baldin, nascido, crescido e moldado nas montanhas capixabas traz nesta obra que consumiu dois anos de absoluto enclausuramento para coletar, organizar e compor este trabalho. Antes de se refugiar nas montanhas para escrever este livro, o Baldin, como é conhecido por todos, foi um escalador assíduo e “fauna” quase onipresente nas montanhas do Espírito Santo, seja conquistando alguma via ou escalando uma montanha qualquer. Aliás, para os desavisados, Oswaldo foi um dos pioneiros da “nova” geração de escaladores capixabas, fato que fica claro ao longo da leitura deste livro, pois desenvolveu inúmeras áreas de escalada importantes, assim como conquistou uma dezena de vias em montanhas, por vezes, ainda virgens, tornando-se, ao longo do tempo, uma referência no Estado e no Brasil. Por isso, ninguém melhor do que o Baldin para contar a história desse esporte no Espírito Santo e disponibilizar um livro contendo todas, absolutamente todas as vias do Estado, desde a longínqua Ilha da Trindade até os boulders localizados no Campus da Universidade Federal do Espírito Santo.

A primeira parte deste livro dedica-se a contar a história, muitas vezes deixada de lado, do montanhismo capixaba. Para quem, assim como eu, gosta de conhecer a fundo o passado “montanhístico”, é um prato cheio que merece ser lido com calma e alma. A recomendação é de que leia com atenção a história das grandes conquistas dos pioneiros da escalada e depois vá repetir a via dos caras. Com certeza a experiência será muito mais rica e fascinante. Ao ver um grampo ou um lance irá conseguir, nem que seja por alguns instantes, voltar no tempo e sentir a história passando a sua frente.

A segunda parte do livro é o que poderíamos chamar de um “guia de escalada”. Nesta parte estão descritas praticamente todas as vias existentes no Espírito Santo até meados de 2017, com uma riqueza de detalhes pouco vista em outros guias de escalada. As informações estão ordenadas de forma fácil e clara, permitindo ao leitor pesquisar, consultar e entender com facilidade, seja um boulder ou um big wall. Para facilitar ainda mais, todas as principais vias possuem croquis que são extremamente úteis ao se aventurar em qualquer ambiente vertical, além de uma breve descrição de cada enfiada (só para deixar as mãos um pouco suadas).

Espero que aprecie sem moderação as próximas páginas e use muito este livro, pois o que você tem em mãos é uma rara obra da literatura de montanha. Para se ter uma ideia, esse é o primeiro e único guia de escalada de um Estado inteiro no Brasil. Boa leitura, boas escaladas e nos vemos na montanha!

Postagens relacionadas

Comentários

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.